Por trás da Banca: “Fofoquei”

Voltar

Por trás da Banca: “Fofoquei”

Integrando o time da Banca Digital, projeto da Mynd que reúne os maiores perfis de entretenimento da rede, página do Instagram foi idealizada pelo casal Artur e Radamés

 

O casal Artur Moreno Martins (@artur) e Radamés Keller (@radameskeller) é dono de uma das páginas mais badaladas do Instagram, o Fofoquei. O perfil conta com quase cinco milhões de seguidores e é focado no cotidiano de celebridades e notícias viralizadas na internet. Também faz parte do projeto Banca Digital dentro da Mynd, agência especializada em música, cultura digital e entretenimento.

O criador da página é Artur Moreno Martins. No final de 2014, ele decidiu criar a página para contar sobre a vida das Kardashians. Porém, com o rápido sucesso com a página conquistando mais de mil seguidores em um dia, ele expandiu o conteúdo para englobar todas as celebridades. Em 2016, Radamés Keller, 30 anos, se juntou ao Artur e passou a ser administrador da página.

Com a Banca Digital, eles notaram uma profissionalização do trabalho. “As páginas eram desvalorizadas. E a valorização com a Banca Digital foi de 100%. Abriu os olhos das empresas e grandes marcas de que trabalhamos com seriedade e credibilidade”.

View this post on Instagram

Whindersson me representa 😂 (📸 Reprodução @whinderssonnunes)

A post shared by Artur e Radamés (@fofoquei) on

Atualmente, o casal contratou uma pessoa para trabalhar na criação de conteúdo e demais atividades para manter a página atualizada a todo o momento. Além do @fofoquei, eles têm um canal no YouTube dissociado do Instagram, onde compartilham sua rotina de casa, viagens, eventos e dia-a-dia, e já totalizam um número de 245 mil inscritos.

 

Banca Digital

A Banca Digital foi uma solução criada para unir perfis de entretenimento e vender publicidade para marcas de forma inovadora. Liderada por Murilo Henare, empreendedor e criador de conteúdo para redes, e com apoio e suporte da Mynd, a proposta é oferecer a possibilidade da inserção dentro destes canais de forma contextualizada, com formatos que se integrem ao conteúdo e a proposta de cada um desses veículos digitais.

“A Banca Digital não é um perfil de influenciadores, mas de veículos que estão fazendo as notícias do Instagram. No caso da Banca, diferentemente de uma ação com um influenciador, a marca não precisa customizar a linguagem dela pois já pode trabalhar aquele estilo”, comenta Fatima Pissarra, diretora-geral da Mynd.