Sophia Abrahão

Voltar

Biografia

Em atividade desde os 13 anos, Sophia teve oportunidade de morar em diversos países onde participou de catálogos, desfiles e comerciais de televisão, além de ter sido convidada a trabalhar por mais de um ano na China. Ao retornar ao Brasil, fez curso de interpretação e Expressão para TV, Publicidade e Teatro, em São Paulo, e logo foi escalada para o elenco da novela “Malhação“. No papel de Felipa, ganhou destaque e notoriedade em todo o país.

Em 2010, participou da série de televisão “Bicicleta e Melancia“, no canal Multishow. Alguns meses depois, passou a co-protagonizar a telenovela “Rebelde” na Record, como Alice Albuquerque e, com o resto do elenco, formou parte de uma banda homônima. O primeiro álbum da banda vendeu mais de 115 mil cópias, recebendo disco de ouro e de platina duplo. Já o segundo álbum, gravado ao vivo, em São Paulo, em formato de CD/DVD, alcançou uma vendagem total de 140 mil cópias e foi certificado com um disco de ouro e de platina duplo.

Outras grandes produções expressivas em seu currículo incluem a peça e o filme “Confissões de Adolescente” e a novela “Amor à Vida”, da Rede Globo. Em 2014 fez sucesso como Gaby, na novela das 19h da Rede Globo, “Alto Astral“.

Seu primeiro EP solo foi lançado em julho de 2014 e, em agosto do mesmo ano, homenageou os milhares de fãs lançando o livro “O Reino das Vozes que não se calam”, em parceria com Carolina Munhóz. A continuação da saga veio em 2015, na obra “O mundo das Vozes Silenciadas“.

No final de 2015 lançou o álbum “Sophia Abrahão“, que, em menos de 24 horas, se tornou o álbum mais baixado do iTunes. Sophia passou por várias capitais do Brasil com a turnê “Tudo que eu Sempre Quis Tour”, carregando uma legião de fãs e espectadores por onde passou.

Em 2016, além da turnê, que passou por algumas capitais do Brasil, Sophia participou do quadro “Dança dos Famosos” no Domingão do Faustão, no qual conquistou o vice-campeonato e arrancou elogios do público! Na interpretação, atuou como Vitória Leitão na primeira fase da novela “A Lei do Amor“, da Rede Globo. E, em setembro do mesmo ano, Sophia foi indicada ao Latin Grammy, principal prêmio de música mundial, como Melhor Artista Revelação.

O ano de 2016 foi repleto de projetos bacanas e muitas realizações profissionais para Sophia. A artista multifacetada entrou na lista FORBES UNDER 30 – lista da revista Forbes com pessoas no Brasil de até 30 anos que se destacaram em suas atividades –. Ela recebeu destaque na categoria cinema, televisão e teatro. Em 2017 a artista assumiu a bancada como apresentadora fixa do Vídeo Show, fazendo um revezamento com Otaviano Costa e Joaquim Lopes; e lançou o seu segundo álbum, o Dance!, que em 24 horas atingiu o primeiro lugar no iTunes.

Atualmente, após uma linga trajetória à frente do Vídeo Show, Sophia está com novos planos e lançou o do clube do livro, que tem como proposta o incentivo à leitura com seus fãs e seguidores, no qual mensalmente irão escolher um livro juntos e, ao final de cada mês, realizar um clube do livro, no qual os autores estrangeiros Harlan Coben, Karin Slaugher, Lisa Genova, Ayòbámi Adébáyò e muitos outros souberam do projeto e enviarem mensagens e apoio para os inscritos. A ideia para surgiu após Sophia, que tem cinco livros publicados em parceria, perceber a constante interação de seus mais de 5 milhões de seguidores que acompanham fervorosamente as breves resenhas que ela faz em seus stories pedindo mais dicas livros e mais resenhas. Além disso, ela também possui o podcast “PodChegar” no Spotify, no qual realiza a mediação entre o convidado e um especialista, sempre levando assuntos relevantes para os ouvintes.